Entrada > Destaques > Notícias > Ordem dos Advogados destaca projeto “Street Art Against Covid”

Ordem dos Advogados destaca projeto “Street Art Against Covid”

ISCAP

A Ordem dos Advogados destacou no seu boletim os projetos “StreetArtCEI” e “Street Art Against Covid”, desenvolvidos pelo CEI - Centro de Estudos Interculturais do ISCAP.


Street Art Against Covid localizou, fotografou, catalogou e mapeou as manifestações de street art criadas durante os meses de confinamento, bem como as intervenções alusivas à crise pandémica. No verão de 2021, o website de Street Art Against Covid, de acesso livre e em constante atualização, contava já com mais de 300 imagens, distribuídas por cerca de 80 Pontos de Interesse (POI), organizados em 7 rotas: Cidade Alta, Boavista, Centro Histórico, Porto Oriental, Rio Douro, Matosinhos e SNS (intervenções de homenagem aos profissionais de saúde). As rotas são traçadas sobre mapas online, onde cada POI abre para uma galeria das imagens aí localizadas, e todo o projeto está acessível a partir de www.streetartcei.com

street art tem despertado a atenção de instituições e de investigadores das mais diversas áreas, estabelecendo em seu redor toda uma complexa rede de interações paradoxais com entidades públicas e privadas. Desta complexidade advém grande parte do seu fascínio. Comecemos pelo facto de muitas das obras coligidas em Street Art Against Covid possuírem um caráter duplamente transgressivo, pois são (segundo o discurso vigente) formas de arte ilegais que, ao mesmo tempo, resultam de violações do confinamento por parte dos seus autores. De igual modo complexo é o facto de o acervo digital conservar em paridade tanto as obras aprovadas, comissionadas e assinadas, como as obras ilegais, livres e anónimas.

+info

 

Autor

gcrp

Partilhar